NOTÍCIAS
26/06/2015 11:24 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:34 -02

Ataque a hotéis na Tunísia deixa ao menos 27 mortos, diz ministério

Reprodução/Twitter

Ataques a dois hotéis no balneário tunisiano de Sousse mataram pelo menos 27 pessoas, incluindo estrangeiros, disse um porta-voz do Ministério do Interior nesta sexta-feira (26).

Detalhes do ataque, que uma fonte de segurança no local e rádios relataram ter sido no hotel Imperial Marhaba, ainda estão sendo apurados.

O corpo de um dos atiradores está na cena do ataque com um fuzil de assalto Kalashnikov, após ter sido baleado durante troca de tiros com a polícia, disse a fonte.

De acordo com a rede Sky News, os disparos começaram na praia, nas áreas em frente aos hotéis. Muitos hóspedes teriam conseguido correr para os quartos, em uma tentativa de se proteger dos disparos.

Sousse é um dos balneários turísticos mais populares da Tunísia, atraindo visitantes da Europa e de países vizinhos do norte africano. Há relatos de que um voo vindo da Bélgica alterou sua rota após a notícia dos ataques.

A Tunísia está em alerta desde março, quando atiradores militantes islâmicos atacaram o Museu Bardo, em Túnis, matando um grupo de turistas estrangeiros em um dos piores ataques em um década no país.

(Com informações das agências de notícias)