NOTÍCIAS
01/06/2015 11:15 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:19 -02

Mais de 3,9 milhões de baianos ficam o dia inteiro sem água em Salvador e região metropolitana nesta segunda-feira (1º)

Senado Federal/FIickr
BIE - Banco de Imagens Externas da Agência Senado. Com risco de escassez de água, parlamentares propõem combate ao desperdício. O Projeto de Lei do Senado (PLS) 112/2013 foi aprovado no primeiro semestre pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS) e aguarda deliberação da Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA). Foto: Pedro França/Agência Senado

Das 5 da manhã às 20 horas desta segunda-feira (1º), toda a capital baiana e a região metropolitana de Salvador ficam sem abastecimento de água. No total, mais de 3,9 milhões de pessoas são afetadas.

Segundo a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), o corte foi necessário para realização de serviços de manutenção preventiva no sistema integrado de abastecimento de água.

São mais de 90 áreas afetadas, segundo o site iBahia. A Embasa informou que, a partir das 20h, a água vai voltar gradativamente. Em até 48 horas, a situação estará completamente regularizada.

A recomendação da empresa é utilizar a água já armazenada com cautela. Em casos de emergência, como abastecimento para hospitais e postos de saúde, a Embasa providenciará abastecimento alternativo.