MULHERES
26/05/2015 10:55 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:12 -02

The Angelica Doll: Primeira boneca com cabelo crespo natural quer ajudar as crianças a valorizar a própria beleza desde cedo

Angelica Sweetin ouviu sua filha de três anos dizendo que não estava feliz com a própria aparência porque queria ter o cabelo louro e a pele clara, para se parecer com a sua boneca. De uma confissão e da vontade de mostrar para a filha que ela era naturalmente perfeita, Sweeting teve uma ideia maravilhosa para quebrar os padrões de beleza impostos desde a infância por meio dos brinquedos.

A mãe iniciou um projeto para montar uma nova linha de bonecas: negras, com o nariz largo, lábios carnudos e cabelos crespos naturais, que a criança pode lavar e moldar da forma como quiser. É a Angelica Doll. Para a ideia sair do papel, a criadora vem arrecadando fundos pelo site de crowdfunding Kickstarter desde a semana passada. "Nós testamos o cabelo por oito meses, encaracolamos, colocamos acessórios, entre outras coisas. Queríamos garantir que iria despertar a curiosidade de uma garotinha", explica Sweetin.

A intenção dela é que a futura linha de bonecas tenha profissões que chamem a atenção das crianças: jornalista, relações públicas, desenvolvedora de sistemas e engenheira. "Nós pretendemos criar uma linha inteira de bonecas com diferentes tons de pele e diferentes texturas de cabelos que representem a beleza única de cada garotinha", descreve a criadora.

"Conforme eu comecei a desenvolver a Angelica Doll e a pensar seriamente no que poderia fazer por garotinhas, eu percebi que eu fui influenciada pelo padrão de beleza da sociedade desde que eu me lembro. Aqui estou eu - com 27 anos, e eu honestamente estou só começando a descobrir minha beleza natural. Eu quero que isso aconteça antes. (...) Estou criando Angelica para as garotinhas saberem que são lindas. As nossas meninas precisam ver um reflexo de sua única e própria beleza. É hora de nossas garotinhas terem um novo padrão."

O projeto já tem uma página no Facebook e a hashtag em apoio #ImNaturallyPerfect (sou perfeita naturalmente), em que mulheres postam a própria foto e ao lado uma foto da boneca, no intuito de valorizar a diversidade da beleza.

Love!!! Tag us in your photos! #imnaturallyperfect

Posted by Naturally Perfect on Quarta, 20 de maio de 2015


Para a confecção, Sweetin firmou parceria com uma fábrica, mas precisa de um mínimo de mil unidades para encomenda. No site de arrecadação ele pedia R$ 25 mil dólares para conseguir a encomenda e custear o trabalho até agora. Hoje, pouco mais de uma semana desde que as arrecadações foram abertas, ela já conseguiu quase o dobro: cerca de R$46 mil dólares!

LEIA TAMBÉM:

- Barbie!? Que nada! Na Nigéria estas bonecas fazem o maior sucesso

- 'Porque eu sou negro'

- Justiça americana absolve policial indiciado por matar casal de negros