COMPORTAMENTO
19/05/2015 08:40 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:12 -02

16 coisas que mulheres cruelmente sinceras conhecem bem demais

Buda Mendes/STF via Getty Images
RIO DE JANEIRO, BRAZIL - FEBRUARY 21: Suzana Vieira from Grande Rio during the samba school's parade of Rio de Janeiro's carnival at Marques de Sapucai on February 21, 2012 in Rio de Janeiro, Brazil. Carnival is the biggest and most popular celebration in Brazil, running all over the country. (Photo by Buda Mendes/LatinContent/Getty Images).

Se como eu, você é uma mulher excessivamente sincera, em algum momento da sua vida pode se ver em maus lençóis. Encaremos a realidade, a verdade geralmente dói, mas isso nunca nos impediu de contá-la.

Frequentemente existe a expectativa de que as mulheres cedam e peçam desculpas ou deem desculpas pelo comportamento sincero demais. Somos encorajadas a ser as que "apoiam os outros", para acalmar, minimizar a nossa raiva e agressão e, basicamente sermos as boazinhas, mesmo quando estamos fervendo por dentro e nossos verdadeiros sentimentos estão quase a ponto de explodir.

Bom, dane-se.

Se você é franca, gosta de dar a sua opinião e não consegue (mesmo) manter isso só para você, este artigo te pertence.

Aqui estão 16 coisas que as mulheres cruelmente sinceras entendem bem:

1. O alívio que vem ao dizer o que você realmente pensa. Não há nada igual.

2. Que o elogio realmente vale a pena. Nem tudo é ótimo e isso é ok.

3. Ter uma série muito limitada de situações em que contar uma mentirinha seria aceitável. Mesmo que a mentirinha absolva você de toda a culpa você não a conta - mesmo quando isso a livra de muitos problemas.

4. Quando você é tão direta sobre as opiniões negativas que as pessoas acham que você está brincando. Dica: Você não está.

5. Às vezes as suas respostas são um pouco profundas demais. Oops.

6. Você não consegue, de jeito nenhum, ficar em silêncio quando seus amigos tomam uma decisão terrível. Para você, ser uma boa amiga é expressar sua sincera preocupação com a escolha deles, de forma respeitosa e aberta. Os seus amigos aceitarem o não seu conselho aí são outros quinhentos.

7. Nunca ser capaz de puxar o saco de ninguém. Isso a deixa enjoada.

8. Para você é perfeitamente normal falar sobre o seu descontentamento. Isso é especialmente verdade quando você está no atendimento ao cliente com a sua operadora de celular. (Eu quero que reativem meu plano de internet ilimitado).

9. O poder de saber usar bem um "sinto muito" em vez de "desculpa". Porque as mulheres já se desculpam demais.

10. Suas amigas procuram você buscando a verdade nua e crua, já que as outras pessoas apenas dizem o que elas querem ouvir. Mas, justamente por isso, as pessoas ocasionalmente irão evitá-la.

11. Todo mundo conhece a sua opinião. Eles tendo pedido ou não.

12. Sua expressão te entrega antes de você conseguir parar de dizer alguma coisa. Toda. Santa. Vez.

13. Desapontar alguém devagarinho é uma tortura. Especialmente em uma situação romântica. Existe uma maneira mais clara de dizer a alguém que vocês não têm nenhuma química, que não seja dizer "nós não temos nenhuma química"? Provavelmente não. Ser direto é melhor.

14. Ser regularmente chamada de grossa/fria/louca/sem coração. Suspiros. Próximo.

15. Aquele sentimento esmagador de quando você passa dos limites. Porque viver a sua vida autenticamente #sempedirdesculpas e dizer exatamente o que você pensa, uma hora provavelmente vai acabar ferindo alguém - e isso nunca é fácil. Mas, então, na próxima vez você fará de um jeito um pouco diferente.

16. Você sabe que as pessoas respeitam a sua opinião, pois você não fala algo que não acredita. E isso é o melhor de tudo.

Tradução: Simone Palma

Este artigo foi originalmente publicado pelo HuffPost US e traduzido do inglês.

LEIA MAIS:

20 atitudes que provam que as mulheres casadas são falsas com suas amigas solteiras

Topless: mais do que seios à mostra, uma nova atitude perante a mulher e à cidade

Campanha da Pantene encoraja as mulheres a pararem de pedir desculpas (VÍDEO)