NOTÍCIAS
04/05/2015 18:25 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:02 -02

Matthieu Ricard, cientista e monge considerado o 'homem mais feliz do mundo' vem ao Brasil para lançar novo livro

Associated Press

Quando tinha apenas 26 anos, o cientista francês Matthieu Ricard decidiu abandonar a carreira em biologia molecular para se dedicar a uma vida de contemplação como monge budista. O apreço pela ciência, porém, nunca foi esquecido e hoje ele é o intérprete do Dalai Lama para temas científicos.

Entre os dias 17, 18 e 19 de maio ele estará no Brasil para lançar seu livro novo, A revolução do altruísmo (Pala Athena, R$ 82) e também para um circuito de palestras organizado pela Palas Athena e o Planeta Sustantével, da Editora Abril. Em um TED Talk realizado no final do ano passado, Matthieu exemplifica sua ideia de altruísmo e o que é preciso para a humanidade progredir e conquistar mais qualidade nas relações pessoais.

matthieu ricard


No domingo (17), o encontro será realizado das 09h às 17h, na Palas Athena. As inscrições e mais informações podem ser encontradas no site: palasathena.org.br. "O que nos ocultaram sobre o altruísmo, perspectivas biológicas, culturais e evolutivas", é o tema da palestra.

Já na segunda-feira (18), o papo será na Editora Abril, em Pinheiros, e terá transmissão simultânea pelo site do Planeta Sustentável. O último encontro, que acontece na terça-feira (19), será realizado no Hospital Albert Einstein, no Morumbi. Para mais informações e inscrições: einstein.br/eventos.

Como cientista, Matthieu participou de alguns dos mais importantes estudos sobre os efeitos da meditação no cérebro e seus efeitos para promover o bem-estar na última década e é também autor do livro "Felicidade". Atualmente colabora com a neurocientista Tania Singer, do Max Planck Institute, em um grande estudo sobre altruísmo, empatia e compaixão.

LEIA MAIS:

- Meditação pode proteger o cérebro dos sinais do envelhecimento, aponta estudo

- 14 coisas que você precisa saber antes de começar a meditar