NOTÍCIAS
29/04/2015 19:59 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:02 -02

Selic: Com nova elevação, taxa básica de juros sobe de 12,75% para 13,25%

JeffGamble/Flickr

Como o mercado financeiro já previa, o Banco Central decidiu nesta quarta-feira (29) elevar em 0,50 ponto percentual a taxa básica de juros (Selic), passando de 12,75% para 13,25%.

Esta é a quinta alta consecutiva nos juros básicos da economia, que estão avançando desde outubro do ano passado e atingiram nesta quarta o maior patamar desde 2009, quando estava em 13,75% ao ano. Ou seja, é a maior alta dos últimos seis anos.

A preocupação em controlar o crédito e o consumo, e assim, segurar a inflação, foi o principal motivo para a decisão do Copom (Comitê de Política Monetária), de acordo com a Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade).

As sucessivas elevações, no entanto, devem esfriar ainda mais a economia brasileira, uma vez que menos consumidores estarão dispostos a contrair uma nova dívida.

Com a elevação, os juros ao consumidor atingiram 119,03% ao ano, contra 118,04% na taxa passada. Isso significa que, a partir de agora, você pagará mais caro no financiamento, cartão de crédito, cheque especial e no empréstimo pessoal.

Na ponta do lápis, um consumidor que utiliza R$ 3.000 por mês no cartão de crédito pagará ao final do ano R$ 361,80 apenas de juros. Já um empréstimo pessoal de R$ 5.000, a uma taxa mensal de 3,98%, o consumidor vai pagar, no total, R$ 6.385,71.