COMPORTAMENTO
15/04/2015 14:03 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:52 -02

Uma papelaria está transformando panfletos homofóbicos em confete de papel

Quando a vida te dá propaganda homofóbica em papel, transforme-a em confete!

É assim que uma papelaria de Dublin está lidando com o aumento da distribuição de literatura antiigualdade às vésperas do referendo sobre o casamento de pessoas do mesmo sexo na Irlanda.

“Papel é a nossa coisa favorita no mundo”, explica um vídeo promocional. “Quando o papel passou a ser usado para espalhar mentiras por causa do referendo de igualdade no casamento, não ficamos nada contentes.”

Então os donos da loja fizeram arte.

Em parceria com a agência de publicidade Rothco, a Daintree Paper criou o confete “Um Resto de Decência”, “100% feito de mentiras recicladas”.

Um porta-voz da Rothco explicou ao HuffPost UK Lifestyle que a ideia era usar o confete em forma de coração como um manifesto.

“Decidimos que seria uma oportunidade de pegar esses folhetos terríveis e virá-los contra eles mesmos, para criar uma mensagem positiva na campanha do referendo.”

Cada pacote custa 5 euros, e as pessoas parecem reagir com entusiasmo.



A campanha da Daintree vem na esteira de uma polêmica envolvendo a loja. O antigo dono, Paul Barnes, foi criticado por remover um adorno gay de bolo de casamento da vitrine, em 2013. Hoje a loja está sob nova direção.

Todos os fundos arrecadados com a venda do confete vão para o Yes Equality, uma organização irlandesa que apoia o “sim” na votação de maio.

Este artigo foi originalmente publicado pelo HuffPost CA e traduzido do inglês.

LEIA MAIS:

5 segredos gays que todo hétero deveria conhecer

Assustador: homem "gay" anda por 3 horas em NY e é xingado mais de 50 vezes (VÍDEO)

O mundo é gay. Seu pai, também!