NOTÍCIAS
08/04/2015 16:46 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:45 -02

Pepe Vargas assumirá o lugar de Ideli Salvatti comando da Secretaria de Direitos Humanos

Montagem/Agência Brasil

Embora a presidente Dilma Rousseff negue que uma reforma ministerial esteja em curso, ela vai fazer alterações no comando da Secretaria de Direitos Humanos. Com a extinção da Secretaria de Relações Institucionais, o ex-ministro Pepe Vargas deve assumir a Secretaria de Direitos Humanos.

A atual chefe da pasta, Ideli Salvatti, é cotada para a presidência dos Correios.

Com a saída da articulação política, Vargas reassumiria o mandato de deputado, na Câmara dos Deputados. No entanto, ele acabou aceitando o convite da presidente. Esta vai ser a terceira pasta que ele comanda no governo Dilma. Ele também foi ministro do Desenvolvimento Agrário.

Desde o fim do ano passado, a presidente é pressionada para tirar Ideli da SDH. Uma ala do PT chegou a divulgar uma carta pedindo a substituição da ministra e a nomeação de uma pessoa com histórico de luta na área.

“O governo Dilma está sendo atacado por colocar ministros completamente estranhos às suas pastas, manter a atual ministra na pasta de direitos humanos seria corroborar com isso”, afirmava a carta.

Ideli foi anunciada ministra da SDH em março do ano passado, quando a presidente a tirou da SRI e nomeou Ricardo Berzoini para a SRI.