NOTÍCIAS
25/03/2015 17:25 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:42 -02

Cansado de dispensar funcionários, empresário coloca como requisito de vaga de emprego não ter WhatsApp

Reprodução YouTube/Gilmar Gomes

Quem procura emprego sabe o quanto está difícil conquistar a vaga. Exigentes, empresas pedem cada vez mais qualificações profissionais e comportamentais, como experiência, fluência em outros idiomas, cursos extracurriculares, graduação, pós-graduação e proatividade.

Mas, para o empresário de Uberlândia, Gilmar Gomes, bastava duas únicas qualidades: experiência e não ter WhatsApp - ou ao menos não usá-lo no trabalho. Apesar de parecer sátiro, o anúncio é um apelo do empresário, que já dispensou 12 candidatas ao cargo de vendedora em apenas 15 dias pelo uso excessivo do aplicativo, segundo a reportagem do G1.

“Elas vinham e entregavam currículo, mas não passavam no teste. Ao invés de atender as clientes, ficavam com o celular em mãos. Só se ouvia o barulho do aplicativo”, disse.

Antes de colar o papel na porta da loja, o empresário disse que recebia quase 20 currículos por dia. "Após o cartaz, em cinco dias não recebi nem dez. As pessoas passavam aqui e fotografavam o anúncio, outras riam e até comentavam as escritas, mas pedir emprego que é bom, nada”, afirmou Gomes ao site.