NOTÍCIAS
19/03/2015 17:38 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:13 -02

Site em apoio a Eike Batista lista 'realizações imprescindíveis para o Brasil' do ex-bilionário

Fabio Motta/Estadão Conteúdo

Após a Comissão de Valores Mobiliários (CVM), xerife do mercado de capitais, na última quarta-feira, 18, condenar o empresário Eike Batista a valor milionário em multas, surgiu na internet o portal Eike Tudo Pelo Brasil (www.eiketudopelobrasil.com.br).

O canal lista "realizações imprescindíveis para o Brasil" creditadas ao ex-bilionário e conta com o aval do empresário. Os responsáveis negam que a criação do site tenha sido encomendada. O projeto vem sendo concebido há dois meses, contou o empresário Raphael Paim, proprietário da Origgami Soluções Multimídia, que trabalha com a concepção de sites e já prestou serviço para Flávia Sampaio, esposa do ex-bilionário.

Segundo Paim, entre 15 e 20 voluntários estão envolvidos na produção de conteúdo do portal, com fotos, textos e depoimentos de amigos de Eike. São citadas desde a construção do Porto do Açu, no litoral norte do Estado do Rio, até doações para iniciativas sociais, como a conclusão do Hospital Pró Criança, no Rio de Janeiro.

A criação do canal "não envolve dinheiro", disse Paim. "Há uma série de pessoas que não estão satisfeitas com a repercussão negativa de algumas notícias envolvendo Eike, como isso está sendo falado", completou. De acordo com o empresário, funcionários e ex-funcionários das empresas do Grupo X se engajaram na produção do portal, que traz uma lista dos projetos de Eike, vídeos e depoimentos de pessoas próximas ao ex-bilionário, como seu pai, o empresário Eliezer Batista

Paim já se encontrou pessoalmente com Eike, descrito por ele como "muito simpático", para discutir projetos. Nenhum deles saiu do papel ainda, nem se trata do recém-lançado Eike Tudo Pelo Brasil. "Apenas avisei para ele que estava sendo criado, pedi autorização. Ele disse 'se é para falar de fatos, de realizações, então está liberado'", contou.

Uma fonte próxima a Eike confirmou que o empresário deu apoio à criação do site. Oficialmente, porém, a EBX não se posicionou sobre o assunto. A relação da Origgami com Flávia, esposa do empresário, data de outubro passado. A empresa multimídia colocou no ar um blog de moda produzido pela advogada.