COMPORTAMENTO
19/03/2015 12:17 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:13 -02

Para 55% das brasileiras, amamentar em público é completamente natural (PESQUISA)

NORBERTO DUARTE via Getty Images
A woman breastfeeds her babies during a demo against discrimination on October 4, 2014 in Asuncion. AFP PHOTO / Norberto Duarte (Photo credit should read NORBERTO DUARTE/AFP/Getty Images)

Se alguém pedir para você se alimentar no banheiro, você iria?

E se alguém pedir para você amamentar o seu bebê em um banheiro, você iria?

Isso é o que acontece com boa parte das mães que precisam amamentar em público pelo mundo. Mas no Brasil, segundo uma pesquisa, isso é diferente: o hábito de amamentar um bebê em público é perfeitamente normal e aceito para cerca de 55 % das brasileiras.

O dado é do estudo global mais recente sobre amamentação, realizado pela Lansinoh e divulgada pelo Maternar. Ela foi feita com mais de 13 mil mães e gestantes entre 18 e 40 anos, em nove países, no primeiro semestre de 2014.

A maioria das mães em todos os nove países pesquisados afirmaram que a amamentação é a melhor forma de nutrir um bebê, e que os benefícios de saúde para a criança são a principal razão para que elas amamentem (97% e 91% das entrevistadas brasileiras, respectivamente).

Mas não são todas as mulheres que aprovam a amamentação em público. Na Alemanha e Reino Unido, só 12 % das mulheres concordam com a situação. Entre as mulheres que disseram que a mãe não deve amamentar em público um filho de dois anos, os maiores percentuais foram verificados na Hungria (6 %) e França (5 %)

Veja gráfico completo com dados do Brasil na pesquisa:

amamentação pesquisa

Você pode ver os dados da pesquisa sobre os outros países clicando aqui.

LEIA MAIS:

- O que REALMENTE significa pedir para uma mãe não amamentar

- Imagem revela a hipocrisia que é censurar a amamentação

- 25 fotos de amamentação que eu quero que o mundo inteiro veja

- Vai ter peito de fora em São Paulo, sim. E se reclamar, vai ter multa!