VIRAL
16/03/2015 18:24 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:12 -02

E se o Brasil fosse governado pelo Rouge?

Reprodução

Em meio a batidas de panelas, pedidos de impeachment e cartazes com exigências paradoxais em verde e amarelo, uma frase rosa - escrita em Comic Sans -, chamou a atenção:

rouge

Volta Rouge...

Com tantos pedidos irracionais de intervenção militar -- e até intervenção alienígena -, acreditar em um Brasil mais rosa, musical e purpurinado não parece má ideia.

E se o Brasil fosse governado pelo Rouge?

Para começar, um governo mais democrático, feminino, com cinco mulheres no poder:

Presidente Luciana


Presidente Karin


Presidente Aline


Presidente Fantine


Presidente Patrícia


O novo Hino Nacional? Ora... Ragatanga!

Não é pacto com o demônio. É amor na língua dos anjos.


Verde e amarelo? Chega! Conheça nossa nova bandeira:


"Ordem e Progresso"? Pfff... Cafona! O lema do Rouge no governo: "Nunca Deixe de Sonhar".


O ministro da economia? Ué... Rick Bonadio!


Nos outros ministérios: Br'Oz

Ministério da Dança, Romantismo, Sedução, Sensualidade e ~Caliência~.


E KLB... Claro!


Silvio Santos seria uma espécie de "conselheiro" do governo.

Oê!


Nas escolas, o espanhol seria adotado como segunda língua.

¿Bri... Bri... Brilha La Lu-Luña?


Aulas de educação física seriam banidas das escolas. No governo Rouge: apenas aulas de coreografia.


Como parte da cesta básica: toda a discografia do Rouge.

rouge


Pronunciamentos redundantes e chatos? Nunca mais! Veja como seria um pronunciamento no Governo Rouge:


Esqueça o Bolsa Família. No Governo Rouge: Bolsa Popstar.

popstar

Só o Bolsa Popstar garante maquiagem e roupas ilimitadas, descontos de até 90% na compra de ingressos para shows, viagens ao exterior e uma senha para baixar toda a discografia do Rouge no iTunes.


Éééééééé Dilma... Assim fica difícil...


★ ★ ★ ★ ★ QUEREMOS INTERVENÇÃO ROUGE A-GO-RA! ★ ★ ★ ★ ★


Leia mais:

13 quadros do "Domingo Legal" que mudaram a TV Brasileira

14 sinais de que voltamos a viver nos anos 1990

Por que Robinson Monteiro sempre será o maior cantor de auditório

11 Axés que você (provavelmente) dançaria em 1995