NOTÍCIAS
11/03/2015 20:06 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:12 -02

Michael Keaton diz que deveria ter levado o Oscar por Birdman

Montagem/Divulgação

O ator americano Michael Keaton se sentiu realmente injustiçado no Oscar 2015. Durante uma conferência de tecnologia em Salt Lake City, nos Estados Unidos, ele afirmou que deveria ter levado o prêmio de melhor ator por sua atuação em Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância), informa o jornal Folha de S.Paulo.

Keaton contou que um membro da Academia disse que, apesar de sua memóravel atuação, ele não levaria o prêmio porque seu personagem não era "doente". A estatueta de Melhor Ator foi para Eddie Redmayne, que interpretou o físico Stephen Hawking no filme A Teoria de Tudo.

"Eu fui ver 'Birdman' com um cara que é da Academia há 40 anos e, quando o filme terminou, ele me disse: 'parabéns por sua atuação, é uma das melhores que eu já vi'. Eu estava me sentindo muito bem comigo mesmo, quando ele completou: 'Infelizmente, você não vai ganhar o Oscar; doenças sempre levam'. Aí eu vi que estava fodido, realmente fodido", contou Keaton, rindo. "Estou pensando em usar uma cadeira de rodas no meu próximo papel no cinema".

No longa de Alejandro Iñárritu, Keaton interpreta um ator que luta contra a própria decadência em busca de reconhecimento após interpretar um super-herói no cinema, Birdman - o Homem-Pássaro.

O filme foi o grande vencedor da premiação este ano, levando a estatueta nas categorias Melhor Filme, Melhor Fotografia, Melhor Roteiro Original e Direção. Só faltou mesmo o de Melhor Ator. Questionado se ele achava que deveria ter ganho o prêmio, Keaton respondeu:

"Sim, eu acho [que deveria ter ganhado]. Acho que as pessoas não entenderam o nível de dificuldade do trabalho que fizemos."

Discurso guardado

Durante a cerimônia de premiação, Keaton foi flagrado guardando o discurso no bolso do paletó após o nome de Redmayne ter sido anunciado. A cena, de partir o coração, acabou caindo nas redes sociais: