NOTÍCIAS
24/02/2015 19:58 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:03 -02

PT indica Luiz Sérgio para relatoria da CPI da Petrobras e insiste em investigar FHC

Montagem/Estadão Conteúdo

Em um sinal tímido de reaproximação entre o PMDB e o PT, os peemedebistas cederam a relatoria daCPI da Petrobras para os petistas. Em resposta, a bancada indicou deputado Luiz Sérgio (RJ), nome que agrada o PMDB, para elaborar o texto final da CPI.

Para a presidência, o PMDB escolheu o deputado Hugo Motta (PB). Pela regra, cabe ao presidente indicar o relator. Os trabalhos do colegiado começam na próxima quinta-feira (26).

De acordo com o líder do governo, José Guimarães (CE), Luiz Sérgio tem bom relacionamento com os peemedebistas e trânsito na Casa. Inicialmente, o partido cogitou o deputado Vicente Cândido (SP). Além do relator, o PT indicou para a comissão os deputados Afonso Florence (BA) e Valdmir Prascidelli (SP) para titulares, e os deputados Jorge Solla (BA), Leo de Brito (AC) e Maria do Rosário (RS) para as suplências.

Segundo o líder da bancada, Sibá Machado (MT), todos são nomes de peso dentro da legenda. A intenção dele é que os parlamentares insistam na ideia de ampliar a comissão para atingir o governo FHC, no período entre 1997 e 2003. "Temos uma delação premiada do ex-gerente da Petrobras Pedro Barusco que diz que a engenharia do esquema foi montada em 1997. Não vejo motivo para deixar isso fora", disse.

Líder da minoria, Bruno Araújo (PSDB-PE) diz que o partido não tem nada a temer. "A presidente Dilma não tem capacidade de defender o seu governo e busca culpa em algo de décadas atrás", disse. Na semana passada, a presidente empurrou a culpa da corrupção para o governo anterior. "Se em 1996 e 1997 tivessem investigado e tivessem naquele momento punido, nós não teríamos o caso desse funcionário da Petrobras que ficou durante mais de 20 anos praticando atos de corrupção", disse.

Embora não tenha citado nomes, a presidente se referiu ao depoimento do executivo da Toyo Setal Augusto Mendonça à Justiça. Ele disse, em juízo, que o resultado das licitações passou a ser combinado pelo clube de empreiteiras envolvidas na Operação Lava Jato em meados dos anos 1990, quando o país era governado por FHC.

Confira a lista de integrantes da CPI:

Titulares e suplentes

PRB/SD/PSC/PHS/PTN/PMN/PRP/PSDC/PEN/PRTB

Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP)

Carlos Marun (PMDB-MS)

Celso Pansera (PMDB-RJ)

Darcísio Perondi (PMDB-RS)

Edio Lopes (PMDB-RR)

Eros Biondini (PTB-MG)

Hugo Motta (PMDB-PB)

Jhc (SD-BA)

Onyx Lorenzoni (DEM-RS)

Lelo Coimbra (PMDB-ES)

Paulo Pereira da Silva (SD-SP)

Mendonça Filho (DEM-PE)

*Há ainda cinco vagas em aberto

PT/PSD/PR/PROS/PCdoB

Afonso Florence (PT-BA)

Aelton Freitas (PR-MG)

Altineu Côrtes (PR-RJ)

Jorge Solla (PT-BA)

João Carlos Bacelar (PR-BA)

José Carlos Araújo (PSD-BA)

Leônidas Cristino (PROS-CE)

José Rocha (PR-BA)

Luiz Sérgio (PT-RJ)

Leo de Brito (PDT-AC)

Paulo Magalhães (PSD-BA)

Maria do Rosário (PT-RS)

Silas Câmara (PSD-AM)

Rogério Rosso (PSD-DF)

Valmir Prascidelli (PT-SP)

Valtenir Pereira (PROS-MT)

PSDB/PSB/PPS/PV

Bruno Covas (PSDB-SP)

Adilton Sachetti (PSB-MT)

Eliziane Gama (PPS-MA)

César Messias (PSB-AC)

Izalci (PSDB-DF)

Moses Rodrigues (PPS-CE)

Júlio Delgado (PSB-MG)

Otavio Leite (PSDB-RJ)

Rodrigo Martins (PSB-PI)

*Há ainda 3 vagas em aberto

PDT

Félix Mendonça Júnior (PDT-MA)

Weverton Rocha (PDT-MA)

PSOL

Ivan Valente (PSOL-SP)

Edmilson Rodrigues (PSOL-PA)

LEIA TAMBÉM

Petistas querem que CPI investigue corrupção no governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso

- Foi o FHC: Internautas pró-PT e pró-PSDB brincam e batem boca após Dilma Rousseff criticar Fernando Henrique Cardoso

- Dilma coloca conta da corrupção na Petrobras no governo FHC

- Ministro da Justiça nega tentativa de ajudar executivos presos

- Justiça da Suíça quer saber se HSBC ajudou a camuflar origem do dinheiro da Petrobras