MUNDO
24/01/2015 14:55 -02 | Atualizado 26/01/2017 21:47 -02

Papa: Antídoto para violência entre cristãos e muçulmanos está no aprendizado

AP

O Papa Francisco disse que o antídoto para a violência entre cristãos e muçulmanos está no aprendizado de um sobre o outro e, então, a percepção das diferenças.

Em encontro promovido pelo Instituto Pontífico de Estudos Árabes e Islâmicos, o papa também falou aos participantes que o diálogo inter-religioso somente pode fazer progresso com cuidado no momento de escutar o outro.

"Paciência e humildade", disse o papa, são essenciais para o aprofundamento do diálogo entre cristãos e muçulmanos. Para ele, um diálogo superficial só irá render estereótipos e preconceitos.

"O antídoto mais efetivo contra toda forma de violência é a educação e a descoberta de como aceitar as diferenças, com riqueza e fertilidade", complementou o papa Francisco. Fonte: Associated Press.

Curta a gente no Facebook |
Siga a gente no Twitter

LEIA MAIS:

- Bill Gates prevê desenvolvimento de ferramentas "milagrosas" contra Aids até 2030

- Militantes islâmicos celebram morte de rei saudita na internet