NOTÍCIAS
15/01/2015 10:43 -02 | Atualizado 26/01/2017 21:43 -02

Anistia Internacional divulga imagens de sátelite da região de Baga, atacada pelo Boko Haram (FOTOS)

Anistia Internacional / AP Photo

A Anistia Internacional divulgou, nesta quinta-feira (15), imagens de satélite que mostram o estrago que o último ataque do Boko Haram fez nas cidades de Baga e Doron Baga, no nordeste da Nigéria.

No dia 3 de janeiro, homens armados invadiram a cidade e podem ter matado 2.000 pessoas, de acordo com números da Anistia.

As imagens, captadas no dia 2 de janeiro e no dia 7 do mesmo mês mostram que pelo menos 3.700 estruturas podem ter sido danificadas ou destruídas na região. A Anistia afirma que foram destruídas casas, clínicas e escolas. Em Baga cerca de 620 foram destruídas ou incendiadas.

“Essas imagens detalhadas mostram uma devastação de proporções catastróficas na cidade”, afirmou Daniel Eyre, pesquisador da Anistia Internacional.

A Anistia afirma que a maioria das pessoas que não morreu no ataque, conseguiu fugir em veículos, a pé pela mata, ou de barco. Em uma das imagens divulgadas nesta quinta, é possível ver que vários barcos que estavam em Doron Baga não eram mais vistos após o dia 3 de janeiro, indicando que muitos moradores fugiram pela água.

barcos

O governo da Nigéria afirma que 150 pessoas foram mortas no ataque, entre eles, “muitos terroristas”.

“Eles mataram muita gente. Eu vi pelo menos cem mortos em Baga, e fugi para o mato. Enquanto estávamos fugindo, eles atiraram e mataram muita gente”, afirmou um homem de cerca de 50 anos à Anistia Internacional.

“Até agora, o isolamento em Baga combinado com o fato de que o Boko Haram continua no controle da área, significa que é muito difícil verificar o que aconteceu por lá. Os moradores não conseguiram voltar para enterrar os mortos ou contar quantos foram. Mas com essas imagens de satélite combinadas com testemunhos, fica claro o fato de que foi o ataque mais mortífero do Boko Haram”.

LEIA TAMBÉM:

- O mundo e a imprensa esqueceram a Nigéria?

- 'Nenhuma vida vale mais que outra': #BagaTogether lembra os mortos no massacre da Nigéria

Curta a gente no Facebook |
Siga a gente no Twitter