NOTÍCIAS
19/12/2014 15:08 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:02 -02

Delação do doleiro Alberto Youssef é homologada pelo Supremo Tribunal Federal

Joedson Alves/Estadão Conteúdo

A delação do doleiro Alberto Youssef, prestada em acordo de delação premiada da Operação Lava Jato, foi homologada nesta sexta-feira pelo ministro Teori Zavascki, relator do caso no Supremo Tribunal Federal. O teor da delação chegou às mãos do relator na última terça-feira, 16, após passar pela análise do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

Youssef está no centro das denúncias de corrupção envolvendo presidentes e diretores das maiores empreiteiras do país, ex-diretores da Petrobras e políticos.

Nos últimos meses, ele deu dezenas de depoimentos à Polícia Federal em Curitiba, mas seu acordo de delação ainda não havia sido homologado pelo STF, condição sine qua non para que o acordo tenha validade. Pelo acordo, Youssef se compromete a entregar provas de suas denúncias. Do contrário, não terá sua pena reduzida, entre outros benefícios da delação premiada.

Ele é o segundo envolvido na Operação Lava Jato a ter seu acordo de delação premiada homologado pelo STF. O outro é o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, que citou 28 políticos como suspeitos de envolvimento no esquema de corrupção na Petrobras.

Além da homologação, Zavascki aceitou também o pedido do procurador-geral Janot para que os depoimentos tanto de Youssef quanto do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras de Paulo Roberto Costa sejam desmembrados em procedimentos autônomos para facilitar a condução do caso. No último dia 11, Janot denunciou 35 pessoas investigadas na Operação Lava Jato, entre elas Alberto Youssef e Paulo Roberto Costa.

O próximo passo será o desmembramento dos casos em que não há foro privilegiado ou em que o julgamento não é de competência do STF, caso de quem não tem mandato, como parlamentares que não foram reeleitos e de governadores, cujo foro fica a cargo do Superior Tribunal de Justiça.

AS DENÚNCIAS DE PAULO ROBERTO COSTA E ALBERTO YOUSSEF

- Quem são os 28 políticos citados em delação de ex-diretor da Petrobras

- Veja: "Dilma e Lula 'sabiam tudo' sobre corrupção na Petrobras, disse Youssef à PF"

- Políticos recebiam propina da Lava Jato em casa, diz reportagem da revista Veja

- Lava Jato: PF apreende lista de 750 obras 'intermediadas' pelo doleiro Alberto Yousseff