NOTÍCIAS
01/12/2014 10:18 -02 | Atualizado 26/01/2017 21:54 -02

Candidato governista de esquerda, Tabaré Vázquez vence eleição presidencial do Uruguai

AP Photo

Tabaré Vázquez venceu neste domingo (30) as eleições presidenciais do Uruguai, dando à esquerda governante um terceiro mandato consecutivo para consolidar sua fórmula de crescimento econômico com foco social e tentar resolver problemas pendentes, como o aumento da insegurança.

A apuração oficial mostrou, na madrugada desta segunda-feira (1º), que o candidato governista da Frente Ampla ganhou com folga com 52,8% dos votos frente a 40,5% de seu adversário conservador, Luis Lacalle Pou, que admitiu cedo sua derrota no segundo turno após institutos de pesquisa terem apontado a vitória de Vázquez.

Respeitado por ter conseguido impulsionar a economia e reduzir a pobreza em seu primeiro governo (2005 e 2010), Vázquez tomará posse em 1º de março para suceder seu aliado José Mujica, um ex-guerrilheiro, de 79 anos.

Mesmo sendo mais moderado do que Mujica, Vázquez é considerado uma garantia da continuidade de várias iniciativas aprovadas pelo atual presidente, apesar de ter se oposto no passado a leis como a do aborto e de se preocupar com o impacto na segurança da legalização do cultivo e venda de maconha.

"Vamos levar em frente este país com mais liberdade, humanidade... mais justiça social", disse o oncologista, de 74 anos, após declarar-se vitorioso.

Milhares de uruguaios foram às ruas de Montevidéu para festejar com bandeiras nas cores da Frente Ampla -vermelho, azul e branco- após a vitória de Vázquez, que foi cumprimentado por presidentes da América do Sul.