MUNDO
30/10/2014 15:23 -02 | Atualizado 26/01/2017 21:43 -02

Ator toma soco no rosto ao fazer declarações racistas em experimento social no Canadá (VÍDEO)

Reprodução / Youtube

Curioso sobre a forma com que os canadenses estavam lidando com os muçulmanos após os ataques em Ottawa, um estudante da Universidade de York resolveu fazer um experimento social - que não acabou muito bem.

Omar Albach, que já organizou outros experimentos semelhantes, filmou uma encenação entre dois homens: um esperava um ônibus usando trajes tradicionais muçulmanos e o outro, representado pelo ator Devin Giamou, o repreendia com declarações abertamente racistas.

As reações ao experimento foram de absoluto apoio ao "muçulmano". Algumas pessoas disseram estar com o rapaz, para acalmar Giamou, e outras conversaram - calmamente - sobre a liberdade religiosa.

O vídeo, filmado em Hamilton, dá uma guinada quando Giamou toma um soco no rosto de um homem, que antes afirma que "se temos um problema, podemos ir lá para cima e resolvê-lo". A confusão foi rapidamente resolvida, mas o ator ficou ferido.

Segundo Albach, sua motivação para fazer o vídeo - filmado na terra natal de Nathan Cirillo, o soldado que foi morto no ataque - foi de provar que os canadenses não verão as ações do atirador Michael Zehaf-Bibeau, convertido ao islã, como reflexo das atitudes de todos os muçulmanos.