NOTÍCIAS
16/10/2014 09:01 -03 | Atualizado 18/05/2017 10:40 -03

Quem é Andrea Neves? 7 fatos que você precisa saber sobre a irmã de Aécio, figura central nas campanhas dele

Divulgação

A irmã do candidato à Presidência Aécio Neves (PSDB), Andrea Neves, virou tema de conversas após ser citada pela presidente Dilma Rousseff (PT) no debate da Band, na última terça-feira (14).

A campanha petista usa o nome dela para desconstruir a imagem do tucano ao acusá-lo de nepotismo — a prática de empregar parentes no serviço público.

Afinal, quem é Andrea Neves e qual a relação dela com a disputa presidencial deste ano?

1 - É cabeça da campanha presidencial de Aécio

Formada em jornalismo, Andrea é a irmã mais velha de Aécio e um dos cabeças da campanha do presidenciável desde o final de 2013. Ela nasceu em 1959, em Belo Horizonte, capital de Minas Gerais.

2 - Construiu a reputação do irmão

A jornalista está na lista das 60 pessoas mais poderosas por país. De acordo com reportagem publicada no IG, "ela teve papel fundamental na construção da imagem de Aécio como gestor competente que saneou as finanças do Estado".

3 - Teve cargos voluntários em Minas

Ela assumiu a presidência do Serviço Voluntário de Assistência Social de Minas Gerais (Servas) em 2003, no mesmo ano em que Aécio iniciou seu governo no estado. O cargo é voluntário e não tem remuneração. Também integrou um grupo técnico de comunicação, que prestava consultoria para a assessoria de comunicação do governo de Minas Gerais.

4 - Foi denunciada por censura à imprensa mineira

No documentário "Censurados no Brasil", Andréa é denunciada por jornalistas mineiros como uma das principais aliadas de Aécio na tentativa de censurar os veículos locais de comunicação.

5 - Fundou o PT no Rio de Janeiro

De acordo com reportagem publicada pela TPM, Andréa foi militante de esquerda nos anos 80, sendo uma das fundadoras do Partido dos Trabalhadores (PT) no Rio de Janeiro. Seu avô, Tancredo Neves, um dos fundadores do MDB (Movimento Democrático Brasileiro), partido que fez oposição ao regime militar, fundou o PP (Partido Popular) em 1978 e em 1983 mudou-se para o PMDB, pelo qual foi eleito governador de Minas naquele ano.

6 - Editou livros

Admirada por muitos políticos, ela ainda dedica parte de sua carreira à literatura e à edição de livros. Editou, por exemplo, o livro Tancredo Neves: Um Homem para o Brasil, sobre a vida do avô.

7 - É blogueira e poetisa

Andréa também tem um blog, onde publica poemas e pensamentos.

LEIA MAIS:

- 'A senhora está sendo leviana', diz Aécio a Dilma sobre acusação de aeroporto de Cláudio (MG) e de nepotismo

- #DebateNaBand: Duelo aguardado entre Dilma e Aécio peca pelos excessos e frustra mais de 60 milhões de eleitores