NOTÍCIAS
26/09/2014 18:38 -03 | Atualizado 26/01/2017 20:57 -02

Petrobras fica de fora de sabatina de Dilma por blogueiros progressistas, em tom de bate-papo entre amigos

Divulgação/Site Muda Mais

Apresentação do programa de governo, suposto esquema de corrupção da Petrobras e estratégia do medo na campanha contra Marina Silva (PSB) ficaram de fora da sabatina da presidente e candidata à reeleiçãoDilma Rousseff(PT) pelos chamados blogueiros progressistas, na tarde desta sexta-feira (26), no Palácio do Planalto.

Entre um elogio e outro à gestão da presidente, um dos blogueiros criticou a imprensa brasileira dizendo que o ‘noticiário engana a população’.

Dilma defendeu a regulação dos meios de comunicação, que já é adotado em outros países, citando os Estados Unidos como exemplo.

“Controle do conteúdo é ditatorial, não [existe em um] país democrático como o nosso. Vamos regular do ponto de vista econômico, impedindo que oligopólios e monopólios sejam instalados”, afirmou.

LEIA MAIS:

- Na ONU, Dilma Rousseff critica intervenções militares e pede reforma urgente no Conselho de Segurança

- Marqueteiro de Dilma processa Fernando Meirelles por compará-lo ao nazista Goebbels: 'Uma mentira dita mil vezes torna-se verdade'

Questionada sobre a desmilitarização da polícia, Dilma ressaltou que, como presidente, ela não pode adotar essa medida, mas prometeu maior cooperação entre os governos municipais, estaduais e federal para resolver a questão da segurança pública.

Dilma também abordou os avanços da saúde na atenção básica, citando o programa Mais Médicos.

“A tese da saúde pública é que você resolve 80% dos problemas de saúde somente com atenção básica. No programa, o médico tem o equipamento necessário na maleta. Se ele atender a pessoa na casa, já é um ganho total.”

A conversa teve repercussão nas redes sociais:

O encontro reuniu os blogueiros Paulo Moreira Leite, do Brasil 247; Miguel do Rosário, do O Cafezinho; Renato Rovai, da Revista Fórum; Kiko Nogueira, do Diário do Centro do Mundo; Conceição Oliveira, do Maria Frô; Conceição Lemes, do Viomundo e Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania.