NOTÍCIAS
26/09/2014 11:15 -03 | Atualizado 26/01/2017 20:57 -02

Marqueteiro de Dilma processa Fernando Meirelles por compará-lo ao nazista Goebbels: 'Uma mentira dita mil vezes torna-se verdade'

Montagem/ESTADÃO CONTEÚDO/GETTY IMAGES

O cineasta e consultor da campanha de Marina Silva (PSB), Fernando Meirelles, será processado pelo marqueteiro da presidente e candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT), João Santana. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (26) pelo jornal Folha de S. Paulo.

João tomou essa decisão por que teria se irritado com o comentário de Fernando em entrevista publicada no blog do jornalista Morris Kachani.

O cineasta teria comparado o marqueteiro de Dilma ao ministro da propaganda da Alemanha nazista Joseph Goebbels, dizendo que ambos acreditam na força da repetição do discurso para a geração de um fato:

“Li uma frase que resume bem essa campanha do PT: Uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade. A frase vinha assinada por João Goebbels Santana. Foi na mosca, é exatamente dali que vem a inspiração do marqueteiro-mor”, afirmou.

Procurado pela reportagem da Folha, João Santana não concedeu entrevista, mas confirmou o processo.

Fernando Meirelles usou as redes sociais para expressar sua indignação:

Nas últimas semanas, a campanha da petista tem focado sua artilharia para desconstruir a imagem de Marina Silva. A propaganda foi alvo de críticas até do procurador-geral eleitoral, Rodrigo Janot, em matéria no publicada no Estadão.

O procurador afirmou que as peças são irregulares por pretenderem criar "artificalmente na opinião pública estados mentais,emocionais ou passionais".

Esse tipo de conduta é proibida pelo Código Eleitoral.

Internautas comentaram o assunto:

LEIA MAIS:

- Marina nega mudança na CLT, mas defende 'atualização' das leis trabalhistas, em entrevista no Bom Dia Brasil

- Nova pesquisa Vox Populi mostra Dilma Rousseff com 38%, Marina Silva, com 25%, e Aécio Neves, com 17%