NOTÍCIAS
24/09/2014 16:41 -03 | Atualizado 26/01/2017 20:57 -02

Entidade civil critica piada sobre estupro no episódio conjunto de 'Os Simpsons' e 'Family Guy'

Divulgação/Fox

O tão aguardado episódio que une 'Os Simpsons' e 'Family Guy' só vai ao ar no dia 29 de setembro, mas já é alvo de crítica. Motivo: no clipe divulgado durante a Comic-Con, em julho deste ano, há uma piada sobre estupro.

Na cena, Bart Simpson ensina Stewie Griffin a passar trotes para Moe. Bart liga a primeira vez e pergunta por alguém de sobrenome Keybum e nome Lee. Moe grita: "Nós temos aqui um Lee Keybum?" Lee Keybum tem o som de "leaky bum" ("bunda com vazamento", em tradução literal). Todos dão risada e Moe percebe a pegadinha.

Stewie acha engraçado e resolve passar um trote também. Ele liga para o bar e diz: "Moe, sua irmã está sendo estuprada."

Tim Winter, presidente do Parents Television Council, entidade civil que se ocupa de analisar se programas são adequados a crianças ou não, disse à Associated Press que é grande fã de Matt Groening, criador de 'Os Simpsons', mas que ele perdeu a mão: "Eu fiquei chocado quando vi a cena com a piada de estupro", disse.

Na opinião de Winter, a piada, além de ofensiva por si, tem o agravante de ir ao ar em um momento em que há diversas notícias de abusos sexuais em faculdades norte-americanas e, mais recentemente, na National Football League. Ele diz que quando o estupro é aceito como uma piada em produtos culturais, "ele se torna menos ultrajante na vida real".

Por este motivo, em agosto, Winter escreveu a Groening, a Seth MacFarlane (criador de 'Family Guy') e à rede Fox, pedindo para que a piada fosse retirada do episódio. Winter afirma não ter recebido resposta de parte alguma.

Por meio de sua assessoria, a Fox informou que não faz comentários em relação a críticas e, até o momento, não respondeu à sugestão de editar a piada.

(Com agências internacionais)