COMPORTAMENTO
09/09/2014 18:07 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:02 -02

Casamento gay: depois de 72 anos juntas, idosas oficializam união nos EUA

Se fossem um casal hétero, Nonie e Vivian teriam feito bodas de ouro há 20 anos.

Elas se conheceram 1942, em plena Segunda Guerra Mundial. Estudavam na mesma faculdade, em uma cidadezinha do Iowa.

"Aquilo bateu imediatamente -- se é que você me entende", disse Nonie ao jornal Guardian. "Foi como um casamento comum, garoto conhece garota... Bom, foi simplesmente como nós éramos".

72 anos depois, Vivian Boyack, 91, e Alice "Nonie" Dubes, 90, finalmente vieram a público como um casal.

Elas trocaram alianças na First Christian Church, em Davenport, cidade onde moram desde 1947.

Foi o primeiro casamento entre duas mulheres celebrado na igreja, que as duas frequentam há 66 anos.

A notícia foi publicada pelo Quad-City Times, jornal da região noroeste do Iowa.

"Acho que muitas pessoas sabiam, mas nunca viram - e nós não contamos nada para elas", disse Nonie ao Guardian.

A revelação, no entanto, foi muito bem aceita pela comunidade de Davenport. Nonie e Vivian disseram ter recebido uma série de emails e telefonemas parabenizando a atitude do casal.

"A Igreja sempre amou essas duas, e está orgulhosa em poder casar Vivian e Nonie em um lugar onde elas sempre foram amadas e aceitas", disse a Reverenda Linda Hunsaker, que presidiu a cerimônia.

A First Christian Church faz parte de uma denominação protestante chamada Discípulos de Cristo, que permite casamentos entre pessoas do mesmo sexo desde o ano passado.