ENTRETENIMENTO
31/08/2014 20:50 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:02 -02

Sem roupa: Fotos de Jennifer Lawrence e outras celebridades dos EUA vazam na internet

MingleMediaTVNetwork/Flickr

Um usuário do fórum 4chan admitiu neste domingo (31) ser o responsável pelo vazamento de várias fotos de mulheres famosas de Hollywood nuas na internet. Entre as protagonistas nas imagens estariam a atriz Jennifer Lawrence, a modelo Kate Upton e outras mulheres conhecidas da mídia norte-americana.

Ao Huffington Post nos EUA, um porta-voz de Jennifer confirmou que as imagens que circulam na rede, nas quais ela aparece em poses sensuais e, em algumas das fotos, sem roupa, são autênticas. “É uma flagrante violação de privacidade. As autoridades já foram informadas e iremos processas qualquer um que poste as fotos roubadas de Jennifer Lawrence”, informou.

De acordo com o site Buzzfeed, as atrizes e cantoras Ariana Grande e Victoria Justice também teriam tido imagens vazadas pelo mesmo hacker. Victoria já soltou um comunicado em que afirma que não é ela a moça nas supostas imagens.

Todo o vazamento das fotos das celebridades estaria ligado a uma brecha no iCloud, que permitiu que os arquivos dos telefones delas fossem invadidos, tendo os seus dados roubados e posteriormente espalhados pela rede. O mesmo hacker do 4chan garante ter ainda vídeos de Jennifer Lawrence fazendo sexo, o que não foi confirmado até o momento.

Já circula ainda na rede uma lista bastante extensa com outros nomes de celebridades conhecidas, como Kim Kardashian, Rihanna, Avril Lavigne, entre outras, as quais também teriam tido fotos roubadas pelo mesmo hacker.

A Variety relembrou que, em 2012, um homem foi condenado a dez anos de prisão por ter vazado fotos da atriz Scarlett Johansson nua na internet. Outras celebridades vítimas do mesmo crime há pouco tempo foram as atrizes Christina Hendricks, Blake Lively e Olivia Munn.

Por enquanto, o departamento de polícia de Los Angeles disse ao Huffington Post nos EUA que não possui informações sobre o caso. A Apple, procurada pelo site Mashable, também não comentou o caso até o momento.

A situação segue em andamento e deve ter novidades nas próximas horas.