NOTÍCIAS
23/08/2014 20:35 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:52 -02

Nas ruas de Salvador, Aécio Neves promete aumento de 8 reais no Bolsa Família, enquanto na TV fala sobre ter fé no povo brasileiro

O sábado (23) do candidato do PSDB para presidente do Brasil foi dedicado ao nordeste. Em Salvador, ao lado de lideranças do partido do estado, Aécio prometeu "evoluir o Bolsa-Família", tornando-o uma "política de Estado". Enquanto isso, em seu programa na TV (vídeo acima), o tucano falou sobre ter fé:

"Eu sou um homem de fé. Tenho fé, em primeiro lugar, em Deus, mas eu também tenho fé no amanhã, no futuro. Eu tenho fé na força do brasileiro pra superar as suas dificuldades e vencer na vida"

Aécio quer combater os rumores de que caso seja eleito vai acabar com os programas de redistribuição de renda. Em seu discurso na capital baiana, ele lançou o "Nordeste Forte", programa que é a maior arma do partido para a região. Nele promete entre outras coisas uma renda mínima de US$ 1,25 por dia para os nordestinos. O G1 fez as contas, e isto equivale aumentar o benefício do Bolsa-Família em 8 reais, passando de 77 para 85 reais.

O candidato garantiu que se eleito vai universalizar o programa "Saúde da Família" na região, a também vai construir diversas obras de infraestrutura que até hoje só estão no papel, como a transposição do Rio São Francisco. Outra promessa foi a poupança "Jovem Brasil", que depositaria R$ 1 mil a cada ano no ensino médio por estudante, somando uma quantia que dá pra descolar um computador antes de ingressar na universidade.

(Com Estadão Conteúdo)