NOTÍCIAS
16/07/2014 19:39 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:42 -02

Beatles terão documentário dirigido por Ron Howard, de "Uma Mente Brilhante"

DG Jones/Flickr
Bearing in mind that Number 0060591just sold for well over a hundred quid on eBay, God knows how much number three is worth (the owner reckoned about £10,000). Certainly the most impressive piece of show 'n tell I've seen in a while.

O diretor Ron Howard disse hoje (16) que irá produzir e dirigir um documentário sobre os Beatles.

Para realizar o projeto, o diretor, que já ganhou duas estatuetas do Oscar (melhor direção e melhor filme) em 2002 pelo filme Uma Mente Brilhante, contará com o apoio dos Beatles sobreviventes Paul McCartney e Ringo Starr, bem como da viúva de John Lennon, Yoko Ono Lennon, e da viúva de George Harrison, Olivia Harrison. A produção do documentário foi autorizada pela holding da banda, a Apple Corps Ltd.

O longa cobrirá as turnês dos Fab Four entre 1960 e 1966 — ou seja, antes e durante a chamada "invasão britânica", quando os Beatles apareceram no The Ed Sullivan Show, em 1964, e ganharam o mundo. Nesse período, eles lançaram alguns de seus álbuns clássicos, como A Hard Day’s Night e Rubber Soul.

"O que há de tão atraente para mim é a perspectiva que temos agora, a chance de realmente entendermos o impacto que eles tiveram no mundo", disse Howard à Rolling Stone. "Este período de seis anos é uma transformação muito dramática em termos de cultura mundial."

Mesmo antes de qualquer etapa de produção — o documentário sequer tem nome ainda —, especula-se uma sequência: os produtores não descartam uma continuação que compreenda a politização dos Beatles e rompimento e fim da banda.

Por ora, Howard apenas cogita as possibilidades de um documentário dos Beatles. "Nós seremos capazes de usar as filmagens de super 8 que encontramos e que foram gravadas sem som. Vamos fazer reparos digitalmente e, além disso, encontramos gravações originais". Com esses dois materiais (filmagens e gravações originais), "nós poderemos sincronizá-los e criar uma experiência de concerto são imersiva, tão envolvente que, acredito, você vai realmente sentir como se estivesse em algum lugar nos anos sessenta, sentindo e ouvindo aquilo tudo."

O documentário não tem data de lançamento, mas deve acontecer no segundo semestre de 2015.