NOTÍCIAS
20/06/2014 19:13 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:45 -02

Copa 2014: a três dias de jogo decisivo contra Camarões, Felipão ainda não preparou Seleção Brasileira

ASSOCIATED PRESS
Brazil's coach Luiz Felipe Scolari answers questions during a press conference at the Granja Comary training center in Teresopolis, Brazil, Thursday, June 5, 2014. Brazil will face Croatia at the opening match of the World Cup soccer tournament on June 12. (AP Photo/Hassan Ammar)

Um dia de folga, um treino só dos reservas e uma atividade técnica e depois recreativa. A três dias do jogo decisivo contra Camarões, foi isso que a seleção brasileira fez até agora depois do empate sem gols com o México, o que significa que o time que buscará vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo ainda não treinou junto desde a última partida.

O técnico Luiz Felipe Scolari, que poupou os titulares do treino de quinta-feira sob chuva forte na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), apesar da folga na véspera, levou a campo todos os jogadores de linha nesta sexta, mas a atividade foi voltada para aspectos técnicos.

Em nenhum momento o treinador colocou o time que pretende escalar contra Camarões para treinar junto.

O único jogador que não participou do treino desta sexta foi o goleiro Julio Cesar. De acordo com a Confederação Brasileira de Futebol, (CBF), ele ficou na academia realizando trabalho específico e não há qualquer problema físico.

O treinamento de 1 hora e 30 minutos foi focado em cruzamentos, finalizações, triangulações e jogadas de área, tanto no ataque como na defesa. Felipão colocou o auxiliar Flávio Murtosa para treinar os zagueiros e se encarregou das jogadas de ataque, setor que preocupa devido à falta de criatividade no empate com o México.

Nos minutos finais, os jogadores disputaram um rachão em dois toques, mas os times foram misturados e não houve separação entre titulares e reservas.

"Eles estão dando o treino errado. Isso é Copa do Mundo, tinha que estar treinando o time, dando conjunto, a seleção brasileira precisa mostrar muito mais do que vem mostrando até agora", disse à Reuters o ex-atacante do Brasil e atual comentarista de TV Dadá Maravilha, que tem acompanhado os treinos da seleção na Granja Comary.

Felipão terá só mais dois treinamentos para preparar o time antes do jogo de segunda contra Camarões: sábado na Granja e domingo no Estádio Nacional Mané Garrincha, local da partida, em Brasília. O treino de reconhecimento do gramado será fechado para a imprensa, o que não aconteceu até o momento em nenhuma atividade no centro de treinamento da seleção.

Diante dos problemas vistos nos dois primeiros jogos da equipe (3 x 1 na Croácia e 0 x 0 com o México), em que o Brasil não conseguiu repetir o padrão de jogo da Copa das Confederações do ano passado, jogadores reconheceram a necessidade de melhorar e o técnico terá que decidir se mantém a confiança no time montado há um ano ou se vai fazer mudanças.

Se decidir realizar alguma alteração, o técnico pode sentir falta de não ter feito experiências durante a preparação para o Mundial. [ID:nL2N0P116C]

Perguntado se a seleção brasileira deveria estar se preparando melhor, o zagueiro David Luiz disse que o time tem "inúmeras formas de treinamento também fora de campo".

O Brasil precisa ao menos de um empate contra Camarões para conseguir vaga na próxima fase da Copa do Mundo.

Após duas derrotas, Brasil e México somam 4 pontos, ante 3 da Croácia e zero de Camarões. Se vencer, o Brasil deve garantir a liderança da chave, pois o México, com um gol a menos de saldo, terá pela frente uma equipe mais forte e também com chances de classificação: a Croácia.