NOTÍCIAS
19/06/2014 21:37 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:45 -02

Ala mais radical do protesto do MPL invade concessionária e detona carros de luxo

DANIEL TEIXEIRA/ESTADÃO CONTEÚDO

Embora boa parte da manifestação do Movimento Passe Livre (MPL) tenha transcorrido pacificamente, manifestantes black blocs depredaram bancos e detonaram carros de luxo em São Paulo nesta quinta-feira (19).

O ato "Não Vai Ter Tarifa" reivindicava a gratuidade do transporte coletivo, para lembrar o aniversário da vitória do MPL em derrubar no ano passado o aumento de R$ 0,20 na passagem de ônibus e metrô na capital paulista.

A tropa de choque da Polícia Militar desmontou barricadas levantadas pelos jovens mascarados.

De acordo com o streaming que o Brasil Post acompanhou durante a tarde e noite de quinta, a maioria dos manifestantes do MPL tentava dissuadir a violência do movimento.

Mas as tentativas não foram suficientes para evitar o quebra-quebra em bancos da Avenida Rebouças e de uma concessionária da Mercedes na Marginal Pinheiros, na zona oeste da capital paulista.

Protesto do MPL termina em quebra-quebra