NOTÍCIAS
29/05/2014 12:00 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:35 -02

Joaquim Barbosa vai se aposentar e deverá deixar o STF no próximo mês

ANDRÉ DUSEK/ESTADÃO CONTEÚDO

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), informou nesta quinta-feira (29) que o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, lhe comunicou que vai deixar o cargo para se aposentar. "Ele disse que vai deixar o Supremo. Comunicou que a visita era uma oportunidade para se despedir", contou Renan, após receber Barbosa em seu gabinete.

Segundo o presidente do Senado, a princípio, o encontro de hoje era uma reunião de rotina, aparentemente para tratar de temas relacionados ao STF, como o Código do Processo Civil, que Renan se comprometeu em acelerar a tramitação. No entanto, em meio às conversas, Barbosa comunicou que a visita de hoje era uma despedida porque ele deixará o STF em junho.

Segundo Renan, o presidente do STF não justificou a saída. Ele lamentou a notícia e disse que foi uma informação "surpreendente" porque via no "presidente do Supremo uma pessoa importante para o País". "Ele vai se aposentar. Sentimos muito porque ele é uma das melhores personalidades do Brasil. Isso é muito triste", avaliou Renan.

Barbosa ainda está no Congresso e fará ainda uma visita ao presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). O presidente do STF ainda não falou com a imprensa.

ATUALIZAÇÃO

Joaquim Barbosa não poderá se candidatar nas eleições deste ano. O prazo de descompatibilização do cargo no Judiciário para concorrer a mandatos eletivos terminou em 5 de abril.