ENTRETENIMENTO
10/04/2014 15:34 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:23 -02

Dentista quer clonar John Lennon, criá-lo como filho e ainda dar aulas de guitarra para ele

Reprodução

Parece até roteiro de um filme (barato) de ficção-científica. Michael Zuk, um dentista que mora na cidade de Alberta, Canadá, resolveu investir mais de 33 mil dólares na compra de um curioso item: um dente de John Lennon. O objetivo? Montar uma coleção bizarra sobre o ex-Beatle? Nada disso, o único interesse de Zuk é clonar músico - assassinado em 8 de dezembro de 1980.

Entregue pelo cantor como um “presente” para uma antiga funcionária, o dente foi posto a leilão há três anos, parando nas mãos de Zuk. O dentista agora busca sequenciar o material genético encontrado no pedaço de cálcio, tudo para trazer John Lennon “de volta à vida”.

Segundo o dentista, uma vez concluído o processo de clonagem, o “pequeno John” deve ter “aulas de guitarras” e outros instrumentos musicais, estreitando ainda mais os laços com com o músico/matéria-prima que lhe concedeu o material genético. O canadense ainda avisou que pretende manter o menino “longe das drogas e cigarros”, evitando que ele repita os excessos do cantor britânico.

Zuk afirma que não pretende clonar o ex-marido de Yoko Ono apenas uma vez, pelo contrário, deve criar uma pequena legião de John Lennons. O dentista torce que a ciência avance logo, assim outras celebridades do passado, como “Adolf Hitler, Elvis Presley, John F Kennedy e Marilyn Monroe”, possam ser ressuscitadas. Imagine.


(Via Stereogum)