NOTÍCIAS
28/03/2014 15:24 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:16 -02

PT ataca Ibope no Facebook e põe dados de pesquisas sobre Dilma Rousseff em xeque

Reprodução/Facebook

O Partido dos Trabalhadores (PT) utilizou a sua página oficial no Facebook para criticar o Ibope, instituto responsável por duas pesquisas recentes envolvendo a presidente Dilma Rousseff. Na postagem, feita na página verificada do partido na rede social, os números e métodos do instituto de pesquisa são colocados em dúvida.

Com o título “Algo estranho no ar”, a postagem obteve mais de 600 curtidas e mais de 700 compartilhamentos até as 15h desta sexta-feira (28), cerca de duas horas depois de ser colocada no ar. Segundo o PT, o Ibope utilizou a mesma base de entrevistados, durante o mesmo período e apontou dois resultados diferentes, o que seria “algo no mínimo suspeito”.

Se nesta semana o Ibope divulgou uma pesquisa que mostrou, entre outros dados, uma queda de 7% na avaliação positiva da gestão Dilma, na semana passada o mesmo instituto divulgou dados que apontavam para uma vitória da atual presidente no primeiro turno, caso as eleições fossem hoje.

LEIA TAMBÉM

O inferno astral de Dilma em 2014: queda na aprovação, crise com PMDB e ameaça de CPI da Petrobras

Campos e Marina atacam Dilma e se colocam como opção para mudança nas eleições de outubro

ATUALIZAÇÃO: A assessoria de imprensa do Ibope enviou resposta ao Brasil Post às 17h48 desta sexta-feira. O instituto não comenta o post petista, mas apresenta mais detalhes sobre os apontamentos acerca da postagem.

Esclarecimento

Em relação às duas últimas pesquisas de opinião pública realizadas pelo IBOPE Inteligência, sendo uma para a Confederação Nacional da Indústria e outra por iniciativa do próprio IBOPE Inteligência, ambas entre 14 e 17 de março, esclarecemos que:

- Embora utilizem-se da mesma metodologia, tratam-se de pesquisas diferentes, com questionários e objetivos distintos. Enquanto a pesquisa realizada para a CNI tem o objetivo de avaliar o desempenho do governo e não contém, em seu questionário, perguntas de intenção de voto, a pesquisa realizada pelo próprio IBOPE, ao contrário, tem o objetivo de medir intenção de voto para presidente.

- Em relação especificamente à pesquisa divulgada pela CNI, a tendência de queda na avaliação da presidente já havia sido detectada na pesquisa realizada pelo IBOPE Inteligência em fevereiro. As três últimas pesquisas divulgadas mostram que 43% dos brasileiros avaliaram o governo de Dilma como ótimo/bom em dezembro de 2013, 39% em fevereiro deste ano e 36% em março. A variação, portanto, é de três pontos entre fevereiro e março deste ano e de sete pontos entre novembro do ano passado e agora.

- Já em relação à pesquisa de intenção de voto, não houve mudança significativa no patamar da presidente.

Esclarecemos, por fim, que os questionários das duas pesquisas estão disponíveis para consulta no Tribunal Superior Eleitoral sob protocolo número Nº BR-00031/2014 e BR-00053/2014.