NOTÍCIAS
07/02/2014 15:45 -02 | Atualizado 26/01/2017 20:50 -02

Prefeitura de São Paulo cria "dicionário de paulistanês"

Reprodução

Tá vindo pra Sampa na Copa, mêo? Se sim, talvez valha a pena dar uma olhada no “dicionário de paulistanês” divulgado esta sexta-feira (7) pela Prefeitura de São Paulo. O site traduz algumas das expressões e gírias mais comuns entre os paulistanos.

Na seção “Gastronomia”, há uma explicação (e tradução para o inglês) de alguns dos pratos típicos de São Paulo ou pratos que são conhecidos por outros nomes em outras regiões do país. Todos com fotos. Mexerica, por exemplo, é traduzida para “mandarin” e tem os sinônimos “tangerina, poncã, bergamota, laranja-cravo, mimosa, clementina”.

São mais de 150 palavras com tradução, foto e áudio, regras do dialeto e expressões típicas de diferentes regiões da capital paulista.

Para os paulistanos que ainda acham que não têm sotaque, também vale a pena se surpreender com a variações do português que só a gente usa.

Veja um diálogo "típico de paulistano" que aparece no site:

- Pô, meo, vô pegá o busão pro trampo hoje. C tá ligado que tô no maior corre.

- Ouvi dizer que tá mór trânsito pros lados da Estaiada.

- Que zica! Ainda tinha que passar no Sacolão e comprar Mexerica…

- Então vaza! E não se esqueça de botá o CPF na nota.

- Firmeza, então, vô nessa que o baguio tá tenso!

- Fica de buenas. A gente se vê sábado no Ibira.

Já que a gente tá no clima, cara: