NOTÍCIAS
22/01/2014 09:04 -02 | Atualizado 26/01/2017 20:50 -02

Paralisação de trens no Rio afeta 600 mil pessoas

ERBS JR./FRAME/ESTADÃO CONTEÚDO

Os cariocas vivem um dia de caos no transporte público por causa do descarrilamento de um trem da SuperVia no fim da madrugada desta quarta-feira (22). A circulação de trens foi bastante prejudicada.

A situação para quem depende de trens no Rio de Janeiro não deve melhorar nas próximas horas. Essa é a constatação do secretário municipal de Transportes do Rio de Janeiro, Carlos Osório, em entrevista à Globo News. Segundo ele, às 8h40, ainda não havia previsão de normalização do transporte na rede ferroviária da capital fluminense.

Como o trem descarrilou, cabos da rede aérea ficaram danificados - o que provocou a interrupção no fornecimento de energia próximo à Central do Brasil, informa o UOL. Com os trens parados, milhares de passageiros tiveram que sair das composições e andar pelos trilhos.

De acordo com o secretário Carlos Osório, o problema afeta 600 mil passageiros, que devem utilizar o ônibus como alternativa de transporte. "Estaremos preparando uma operação de emergência na volta para casa", adiantou o secretário de Transportes.

Ele assegurou que a despesa a mais que os passageiros do Rio tiverem com o transporte ao longo do dia, provocada pelo problema da linha férrea, deverá ser ressarcida.